domingo, dezembro 10, 2006

Carolina Salgado e Pinto da Costa

Partilho o juízo de Ferreira Fernandes, hoje, no Correio da Manhã. O chamado "kiss and tell" apesar do chamativo que pode ser para a nossa mentalidade coscuvilheira, continua a ser, o que sempre foi: uma deslealdade, impensável entre pessoas sérias...
Também me impresionou a constatação final do artigo: de como uma paixão pôde fragilizar um homem poderoso a este ponto.
E quanto ao futebol (sim, sou sócio do FCP há 44 anos) não me lixem. Os golos foram marcados, não foram defendidos pelos adversários, e as vitórias do Porto estão na televisão para quem as quiser ver. O resto é conversa!

2 comentários:

viriato80 disse...

Como pode uma paixão cegar um homem a esse ponto? Caro António Maria, a corrupção e o gangsterismo existem realmente na sociedade portuguesa, e prosperam devido a essa atitude. O que a senhora Carolina diz não tem importância, mas o retrato que ela nos apresenta tem muita importância. E aquilo é a realidade, muito para além do que a pobre tonta julga saber.

Antonio Balbino Caldeira disse...

Desejo de Santo Natal (ainda...) e de Ano Bom de 2007 Por Causa Dele!

Mas, divergindo do sentimento na análise futebolística: o resto foi da conversa. Não me esqueço do calendário...