segunda-feira, julho 17, 2006

Depois do aborto, eutanásia e casamento de homossexuais, a pedofilia...

Eu sei que às vezes, nós os conservadores, parecemos um bocadinho trágicos e que vemos perigos onde não existem e consequências onde não as há...uma cambada de exagerados!
Mas esta notícia da Holanda é apenas uma entre muitas das confirmações que abrindo a caixa de pandora, não há limites.
E não vejo como com o argumentário que usam os "modernos" (saúde pública, tolerância, direito de escolha, clandestino versus legal, opressão religiosa, preconceitos e tabus, livre consentimento, etc.) como é que vão os tribunais e leis holandesas, livrar-se destes que querem um partido que defenda a pedofilia...!?
Vejam só esta notícia (da Lusa, senhores, da Lusa, não é de nenhuma fonte "suspeita"...):

Holanda: Tribunal decide hoje se pedófilos podem criar partido político

Haia, 17 Jul (Lusa) - Um tribunal do distrito de Haia decide
hoje se um grupo de pedófilos assumidos tem o direito a formar um
partido político, no mais recente teste à tolerância na Holanda.
Oponentes à formação do partido pediram ao Tribunal do distrito
de Haia para não deixar o partido apresentar-se às próximas eleições
legislativas, marcadas para 22 de Novembro, alegando que as crianças
têm o direito a não ser confrontadas com a existência do partido.
O PNVD, iniciais para Amor Fraternal, Liberdade e Diversidade,
defende a legalização de relações sexuais entre adultos e crianças
com mais de 12 anos.
O anúncio da existência do partido em Maio último gerou uma onda
de revolta, mas o ministério Público recusou acusar os membros do
PNVD alegando que esta decisão poderia constituir uma ameaça à ordem
pública.
Um advogado dos oponentes do PNVD, Anke de Wijn, defendeu que os
pedófilos estão a abusar da tolerância holandesa.
Qualquer que seja a decisão de hoje do Tribunal distrital de
Haia, o partido não parece ter hipóteses de obter um lugar que seja
no Parlamento porque, segundo as sondagens, não obteria mais que
1.000 votos, muito aquém dos 60.000 votos necessários para a eleição
de um deputado no Parlamento holandês.
A idade mínima legal de consentimento de relações sexuais de
crianças com adultos varia conforme os países, sendo na Holanda e na
maioria dos países da União Europeia de 16 anos.
No Canadá, por exemplo, a idade permitida é de 14 anos.

MC.
Lusa/Fim

5 comentários:

Anónimo disse...

q escândalooooooo !!!

Anónimo disse...

Here are some links that I believe will be interested

Anónimo disse...

Here are some links that I believe will be interested

Anónimo disse...

Greets to the webmaster of this wonderful site. Keep working. Thank you.
»

Pedagogia disse...

deixem os pedófilos em paz